Seguro Motociclo

A sua mota é única e este seguro vai garantir uma proteção completa. Não tenha surpresas em caso de acidente.

Existem cada vez mais pessoas que utilizam as motas por várias razões, quer para movimentar-se no trânsito, quer na poupança de combustível (que nos dias hoje é um custo bastante significativo no orçamento mensal), quer pela liberdade nos passeios de duas rodas.

A Alfa Seguros disponibiliza uma solução económica e completa para quem aprecia uma condução livre e segura.

O nosso processo de contratação é simples e encontrará todas as informações online para subscrever a sua apólice. Esta forma rápida

proporciona uma maior utilidade e flexibilidade de uso a um preço acessível para todos os motociclistas.

Sabia que pode contratar as coberturas de choque, colisão ou capotamento e ainda o furto ou roubo para a sua mota? Conheça as coberturas que pode incluir no seu seguro de mota com a Alfa Seguros.

Quais são as coberturas que pode incluir no seguro de mota?

Caso use a sua mota todos os dias, opte por um seguro completo, pois irá ficar mais protegido quer seja em deslocações profissionais, em deslocações do dia a dia ou em viagem. Para todas as informações entre em contacto através do 215 832 338 ou por email info@alfaseguros.pt

A informação constante deste site sobre o seguro de mota não dispensa a consulta da informação pré-contratual e contratual legalmente exigida.

Perguntas Frequentes – FAQ:

O seguro de mota é obrigatório. Caso pretenda utilizar uma mota por alguns dias terá, mesmo assim, que contratar um seguro pelos dias de utilização. O seguro à medida pode ser contratado tendo em conta as melhores coberturas para o seu caso. A falta de seguro é punida por lei e pode implicar apreensão da mota, pagamento de uma coima e, em caso de acidente, a responsabilização do condutor ou do proprietário do veículo pelo pagamento de indemnizações aos lesados.

O proprietário ou o condutor de uma mota são responsáveis pelos prejuízos que este possa causar e, em caso de acidente, podem incorrer em graves responsabilidades, face às indemnizações que lhes poderão ser exigidas.

O comprovativo de validade do seguro de mota, a carta verde, o certificado provisório e o aviso/recibo validado pelo comprovativo do pagamento do prémio.

O seguro obrigatório garante as indemnizações devidas por danos pessoais e/ou materiais causados a terceiros, bem como às pessoas transportadas, com exceção do condutor da mota. Relativamente aos passageiros transportados gratuitamente e às pessoas transportadas mediante contrato (táxi, transportes coletivos, etc.), estão cobertos todos os danos, quer corporais, quer materiais.

Sim. A lei prevê uma forma de ultrapassar essa recusa. Quem não conseguir que lhe aceitem o contrato em, pelo menos, três seguradoras, deve exigir de cada uma a respetiva declaração de recusa – cujo fornecimento é obrigatório – e contactar a Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões (ASF), que lhe indicará a seguradora que fica obrigada a aceitar o seguro, bem como o preço a pagar.  

O prémio deverá ser pago antes do período que se pretende assegurar. As seguintes frações são devidos nas datas estabelecidas no contrato. Pode pagar o seu prémio de seguro de mota anualmente, ou então, através de prestações semestrais ou trimestrais durante o ano, estabelecendo a companhia um limite mínimo para o fracionamento. Esta opção pelo pagamento em prestações poderá encarecer o prémio de seguro, pois certas seguradoras aplicam uma percentagem de acréscimo a quem escolhe esta modalidade.

A cobertura dos riscos depende do pagamento do prémio. A falta de pagamento do prémio inicial, ou da primeira fração deste, na data do vencimento, determina a resolução automática do contrato a partir da data da sua celebração. A falta de pagamento do prémio de anuidades subsequentes, ou da primeira fração deste, na data do vencimento, impede a prorrogação do contrato.